null Conselhos para poupar no Natal

Conselhos para poupar no Natal

Durante o inverno, as despesas mensais tendem a aumentar com maiores gastos em eletricidade e aquecimento central. Mas, para além disso, é necessário somar o Natal ao planeamento financeiro. Esta é uma época muito bonita, porém torna o mês de dezembro dispendioso e, se não houver controlo, a carteira pode sofrer bastante.

 

 

 

 

 

  1. Planeamento – Qual o orçamento?

 

Antes de tudo, defina um orçamento que indique quanto pode gastar. Neste período é fácil cair, continuamente, em tentação; por isso, deve organizar-se e definir bem qual o orçamento que tem disponível. Este é um requisito imprescindível para evitar esbanjar dinheiro.

 

 

 

 

 

  1. Que pretende?

 

Não se precipite, determine bem aquilo que quer mesmo comprar, uma vez definido, informe-se e compare preços, em diversas lojas. Desta forma pode adquirir o que procura ao melhor preço. A Internet pode ser, sem dúvida, um excelente aliado.

 

 

 

 

 

  1. Estabelecer prioridades

 

Evite comprar desenfreadamente, sem estabelecer prioridades. Lembre-se do orçamento definido e comece pelas coisas de maior importância.

 

 

 

 

 

  1. As promoções são suas aliadas

 

Procure aproveitar promoções de lojas que vão mudar de local ou com muito stock. Neste aspeto, como referido anteriormente, a Internet é um trunfo. Outra ideia é, por exemplo, realizar a brincadeira do “amigo oculto” depois do Natal para aproveitar os saldos.

 

 

 

 

 

  1. Antecipar as compras

 

Não é muito boa ideia deixar as compras para a última hora. Aliás, pode gastar muito mais do que o esperado, se adiar as compras para os últimos dias. Dias como a Black Friday ou a Cyber Monday foram bons momentos para antecipar as compras. Aproveite as datas importantes!

 

 

 

 

 

  1. Anote os gastos

 

Consoante vai comprando, vá anotando e descontando no orçamento, assim organiza-se desde o primeiro instante e não ultrapassa o limite, previamente, estabelecido. Pode recorrer a aplicações móveis que ajudam a controlar os gastos como, por exemplo, a Fintonic.

Gostou destes conselhos? Conte-nos o que achou e subscreva a nossa newsletter para estar a par de todas as sugestões que ajudam a poupar!

 

Escreva um comentário

O seu comentário será analisado pelos nossos editores antes de ser publicado. O seu endereço de e-mail nunca será publicado.

Este campo é obrigatório.